A estreia

Olá!

Estou dando início hoje ao meu blog sobre terror, suspense e afins. Postarei por aqui textos, notícias, links e quaisquer outras coisas interessantes sobre esse tema fascinante.

Há poucos dias, me perguntaram “mas por que você vai escrever em um blog, se já existem redes sociais como o Facebook e o Twitter, por exemplo?”

Sim, isso é um fato. Hoje, diferentemente de alguns anos trás, temos redes sociais de “amplo alcance”, como Facebook, Twitter, Tumblr, etc. etc. etc. E, sim, eu sou usuário fiel e assíduo dessas redes (você pode acessar aqui meu Facebook e meu Twitter).

Mas todas essas redes têm algo em comum: a busca por informações rápidas e variadas. Assim, textos maiores e mais longos passam praticamente sem serem lidos.  Não acredita? Então pare e tente se lembrar de quantas vezes você parou para ler um texto mais longo no Facebook.

E isso não é uma crítica a esses sites, que cumprem magnificamente o seu papel, tampouco sobre os seus usuários (eu mesmo, como já disse, sou um usuário assíduo, ferrenho e quase viciado do Facebook). No Facebook, no entanto, todos devoramos conteúdo. Passamos de um post para o outro em uma velocidade surpreendente. Um texto um pouco maior e zás!, passamos para o próximo.

Assim, quando se trata de textos específicos e mais longos, nada como um blog para cumprir esse papel. Um blog possui um tema central e as pessoas que o acessam estão procurando informações sobre esse tema específico. Ninguém acessa um blog sobre terror para procurar receitas culinárias, assim como ninguém acessa um blog sobre receitas culinárias para buscar algo sobre terror.

É isto que estou propondo fazer neste blog: conversar, divulgar, divagar, “viajar“, enfim, trocar algumas ideias com você, sobre terror, suspense, e afins.

E então? Vamos nessa? Dê-me sua mão e deixe-me guiá-lo. Mas tenho que lhe pedir para tomar cuidado com as sombras. Nunca se sabe o que pode sair delas…

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

One Response to A estreia

  1. Rui Almeida says:

    Eu vou nessa! E seja o que Deus quiser!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>